Salmos 140

1. SENHOR, livra-me dos homens maus; guarda-me dos que são violentos;

2. eles tramam maldades no coração e estão sempre provocando guerras.

3. Afiam a língua como a serpente; nos seus lábios há veneno de cobra. [Interlúdio]

4. SENHOR, protege-me das mãos dos ímpios; preserva-me dos homens violentos, que planejaram transtornar os meus passos.

5. Os arrogantes armaram laços e cordas contra mim; estenderam uma rede à beira do caminho; prepararam-me armadilhas. [Interlúdio]

6. Digo ao SENHOR: Tu és o meu Deus; ouve, SENHOR, as minhas súplicas.

7. Ó SENHOR, meu Senhor, meu grande libertador, tu protegeste a minha cabeça no dia da batalha.

8. SENHOR, não concedas aos ímpios os seus desejos; não permitas que seu plano perverso se concretize, para que não se orgulhem. [Interlúdio]

9. Faze recair sobre a cabeça dos que me cercam a maldade dos seus próprios lábios.

10. Caiam sobre eles brasas vivas; sejam lançados em covas profundas, para que não voltem a se levantar!

11. Que o caluniador não se estabeleça na terra; que o homem violento seja perseguido pelo mal, até ser exterminado.

12. Sei que o SENHOR defenderá a causa do aflito e o direito do necessitado.

13. Por certo, os justos louvarão o teu nome, e os íntegros habitarão na tua presença.