Salmos 41

1. Bem-aventurado é o que dá atenção ao pobre; o SENHOR o livrará no dia da calamidade.

2. O SENHOR lhe dará proteção e preservará sua vida; ele o fará feliz na terra. Não o entregará à vontade dos seus inimigos.

3. O SENHOR o sustentará no leito da enfermidade. Quando estiver doente, tu lhe afofarás a cama.

4. Eu disse: SENHOR, compadece-te de mim, cura-me, pois pequei contra ti.

5. Meus inimigos falam mal de mim, dizendo: Quando ele morrerá e seu nome será extinto?

6. Se algum deles vem me visitar, conta mentiras, enche seu coração de difamação e, quando sai, espalha isso.

7. Todos os que me odeiam cochicham entre si contra mim; pensam coisas ruins a meu respeito, dizendo:

8. Algum tumor maligno o acometeu; ficou de cama e não se levantará mais.

9. Até meu próprio amigo pessoal em quem eu tanto confiava, com quem eu comia o pão, traiu-me.

10. Mas tu, SENHOR, compadece-te de mim e levanta-me, para que eu lhes retribua.

11. Sei que te agradas de mim por causa disto: meu inimigo não triunfa contra mim.

12. Quanto a mim, tu me sustentas na minha integridade e me colocas para sempre na tua presença.

13. Bendito seja o SENHOR, Deus de Israel, de eternidade a eternidade! Amém e amém!