Levítico 16

1. O SENHOR falou a Moisés, depois que os dois filhos de Arão morreram quando se aproximaram do SENHOR.

2. O SENHOR disse a Moisés: Dize a teu irmão Arão que não entre a qualquer hora no lugar santíssimo, do véu para dentro, diante do propiciatório que está sobre a arca, para que não morra; porque aparecerei na nuvem sobre o propiciatório.

3. Arão entrará no lugar santíssimo com um novilho como oferta pelo pecado e um carneiro como holocausto.

4. Vestirá a túnica sagrada de linho e por baixo usará os calções de linho; prenderá o cinto de linho e porá a mitra de linho sobre a cabeça. Essas são as vestes sagradas; por isso, banhará seu corpo com água para vesti-las.

5. Da comunidade dos israelitas, pegará dois bodes para a oferta pelo pecado e um carneiro para holocausto.

6. Arão oferecerá o novilho da oferta pelo pecado em favor de si mesmo, fazendo expiação por si próprio e por sua casa.

7. Também pegará os dois bodes e os colocará diante do SENHOR, na entrada da tenda da revelação.

8. E Arão lançará sortes sobre os dois bodes: uma para o SENHOR, e a outra para Azazel.

9. Então apresentará o bode sobre o qual cair a sorte pelo SENHOR, e o oferecerá como oferta pelo pecado;

10. mas o bode sobre o qual cair a sorte para Azazel será apresentado vivo diante do SENHOR, para fazer expiação com ele, a fim de enviá-lo para Azazel no deserto.

11. Portanto, Arão apresentará em seu favor o novilho da oferta pelo pecado e fará expiação por si e por sua casa; e sacrificará o novilho que é sua oferta pelo pecado.

12. Então, pegará um incensário cheio de brasas tiradas do altar, diante do SENHOR, e dois punhados de incenso aromático bem moído, e os levará para além do véu;

13. e porá o incenso sobre o fogo diante do SENHOR, a fim de que a nuvem do incenso cubra o propiciatório que está sobre o testemunho, para que ele não morra.

14. Pegará um pouco do sangue do novilho e o aspergirá com o dedo sobre o propiciatório no lado oriental; e aspergirá o sangue sete vezes com o dedo diante do propiciatório.

15. Depois sacrificará o bode da oferta pelo pecado, em favor do povo, e levará o sangue do bode para além do véu. E, diante do propiciatório, fará com ele como fez com o sangue do novilho, aspergindo-o sobre o propiciatório,

16. e fará expiação pelo lugar santíssimo, por causa das impurezas e das transgressões dos israelitas, sim, de todos os seus pecados. Assim também fará pela tenda da revelação, que permanece com eles no meio das suas impurezas.

17. Ninguém estará na tenda da revelação quando Arão entrar para fazer expiação no lugar santíssimo, até que ele saia, depois de ter feito expiação por si mesmo, por sua família e por toda a comunidade de Israel.

18. Então irá ao altar, que está diante do SENHOR, e fará expiação pelo altar; pegará um pouco do sangue do novilho e do sangue do bode e o colocará nas pontas do altar.

19. E aspergirá o sangue com o dedo sete vezes sobre o altar, purificando-o e santificando-o das impurezas dos israelitas.

20. Quando Arão tiver acabado de fazer expiação pelo lugar santíssimo, pela tenda da revelação e pelo altar, apresentará o bode vivo.

21. E, pondo as mãos sobre a cabeça do bode, confessará sobre ele todas as culpas, transgressões e pecados dos israelitas. Ele os porá sobre a cabeça do bode e o enviará ao deserto, pela mão de um homem designado para isso.

22. Assim, o bode levará sobre si todos os pecados deles para uma região solitária; e esse homem soltará o bode no deserto.

23. Depois, Arão entrará na tenda da revelação e se despirá das vestes de linho que havia posto ao entrar no lugar santíssimo, e as deixará ali.

24. E banhará o corpo em água num lugar santo e porá suas próprias vestes. Então sairá, oferecerá seu holocausto e o holocausto do povo e fará expiação por si mesmo e pelo povo.

25. Também queimará sobre o altar a gordura da oferta pelo pecado.

26. Aquele que tiver soltado o bode para Azazel lavará suas roupas e banhará o corpo em água, e depois entrará no acampamento.

27. Mas o novilho e o bode da oferta pelo pecado, cujo sangue foi levado para fazer expiação no lugar santíssimo, serão levados para fora do acampamento; e o couro, a carne e o excremento serão queimados no fogo.

28. Aquele que os queimar lavará suas roupas, banhará o corpo em água e depois entrará no acampamento.

29. Isto também será para vós um estatuto perpétuo: no dia dez do sétimo mês, vos humilhareis e não fareis trabalho algum, nem o natural nem o estrangeiro que vive entre vós;

30. porque nesse dia se fará expiação por vós, para vos purificar. Sereis purificados de todos os vossos pecados diante do SENHOR.

31. Será sábado de descanso solene para vós, e vos humilhareis; é um estatuto perpétuo.

32. E o sacerdote que for ungido e consagrado para exercer o sacerdócio no lugar de seu pai fará a expiação depois que estiver com as vestes de linho, isto é, as vestes sagradas.

33. E fará expiação pelo lugar santíssimo, pela tenda da revelação e pelo altar, e também pelos sacerdotes e por todo o povo da comunidade.

34. Isso será para vós um estatuto perpétuo, para fazer expiação uma vez por ano pelos israelitas, por causa de todos os seus pecados. E Arão fez conforme o SENHOR havia ordenado a Moisés.