Mateus 3

1. Naqueles dias, apareceu João Batista, pregando no deserto da Judeia

2. e dizendo: Arrependei-vos, porque o reino do céu chegou.

3. Porque é dele que o profeta Isaías disse: Voz do que clama no deserto, preparai o caminho do Senhor, endireitai as suas veredas.

4. João usava roupas feitas de pelos de camelo e um cinto de couro; alimentava-se de gafanhotos e mel silvestre.

5. Habitantes de Jerusalém, de toda a Judeia e de toda a região do Jordão iam até ele

6. e eram batizados por ele no rio Jordão, confessando seus pecados.

7. Mas, quando ele percebeu que muitos fariseus e saduceus iam ao lugar em que ele batizava, disse-lhes: Raça de víboras, quem vos ensinou a fugir da ira futura?

8. Produzi fruto próprio de arrependimento.

9. Não fiqueis dizendo a vós mesmos: Abraão é nosso pai! Eu vos digo que até dessas pedras Deus pode dar filhos a Abraão.

10. E o machado já está posto à raiz das árvores; aquela que não produzir bom fruto será cortada e lançada no fogo.

11. Eu, na verdade, vos batizo com água, tendo por base o arrependimento; mas aquele que vem depois de mim é mais poderoso do que eu; não sou digno nem de carregar suas sandálias; ele vos batizará com o Espírito Santo e com fogo.

12. Ele traz na mão a sua pá e limpará sua eira; recolherá o seu trigo no celeiro, mas queimará a palha com fogo que não se apaga.

13. Então Jesus foi da Galileia para o Jordão, para ser batizado por João.

14. Mas João tentou impedi-lo, dizendo: Tu vens a mim? Eu é que preciso ser batizado por ti.

15. E Jesus lhe respondeu: Deixa por enquanto; porque assim nos convém cumprir toda a justiça. Então João consentiu.

16. Depois de batizado, Jesus saiu logo da água. E viu o céu se abrir e o Espírito de Deus descer como uma pomba, vindo sobre ele.

17. E uma voz do céu disse: Este é o meu Filho amado, de quem me agrado.