Deuteronômio 34

1. Então Moisés subiu das planícies de Moabe ao monte Nebo, ao cume do Pisga, que fica em frente de Jericó, e o SENHOR mostrou-lhe toda a terra desde Gileade até Dã,

2. toda a Naftali, a terra de Efraim e Manassés, toda a terra de Judá, até o mar ocidental,

3. o Neguebe, e a planície do vale de Jericó, a cidade das palmeiras, até Zoar.

4. E o SENHOR lhe disse: Esta é a terra que prometi com juramento a Abraão, a Isaque e a Jacó, dizendo: Eu a darei à tua descendência. Eu te fiz vê-la com teus olhos, mas não irás para lá.

5. Então, Moisés, servo do SENHOR, morreu ali na terra de Moabe, conforme o SENHOR havia falado.

6. E ele o sepultou no vale, na terra de Moabe, em frente de Bete-Peor; e ninguém conhece até hoje o local da sua sepultura.

7. Moisés tinha cento e vinte anos quando morreu. A sua vista não havia se escurecido nem ele havia perdido o vigor.

8. Os israelitas choraram por Moisés durante trinta dias nas planícies de Moabe. Depois disso, terminaram os dias do pranto do luto por Moisés.

9. Josué, filho de Num, estava cheio do espírito de sabedoria, pois Moisés lhe havia imposto as mãos. Assim, os israelitas obedeceram a ele e fizeram conforme o SENHOR havia ordenado a Moisés.

10. E nunca mais surgiu em Israel um profeta como Moisés, a quem o SENHOR conhecesse face a face,

11. nem semelhante em todos os sinais e maravilhas que o SENHOR o enviou para fazer na terra do Egito, ao faraó, a todos os seus servos e a toda a sua terra;

12. nem em tudo o que Moisés realizou com mão forte, nem nas coisas terríveis aos olhos de todo o Israel.